Durante quatro anos, de fevereiro de 1993 a fevereiro de 1997, Nossa Senhora ditou pequenas mensagens a Raymundo Lopes. Maria Santíssima chegava em geral depois da meia-noite, precedida por um coro angélico que cantava uma melodia suave e agradável. Seu cumprimento soava sempre como um terno mote: “Raymundo, boa noite. Podemos escrever?” Neste caso, não houve visões. Raymundo apenas redigiu as mensagens que lhe foram ditadas pela mais doce voz.

A primeira mensagem foi dada na gruta da Basílica de Lourdes, em Belo Horizonte, no dia 9 de fevereiro de 1993. Raymundo Lopes estava na companhia de Marija Pavlovic, vidente de Medjugorje, que também a ouviu em croata. Em dezembro de 1992, Nossa Senhora havia prometido que enviaria “mensageiros de Medjugorje” a Belo Horizonte.

Ao todo, 209 mensagens soam com um contundente apelo à conversão e um forte alerta para os riscos que a Igreja e a humanidade correm nestes “tempos decisivos”, quando vemos abater sobre a terra a “tempestade promovida pelos ventos do materialismo e da apostasia”.

Essas mensagens compuseram o Catecismo Leigo, conforme o desejo que a bela Senhora manifestou a Raymundo no dia 8 de dezembro de 2001: “Fiz e continuarei fazendo chegar até você pessoas leigas, simples, mas com um grande conhecimento das coisas de Deus, para elaborar, com urgência, um pequeno e despretensioso catecismo. Depois da aprovação do estatuto de vocês, faça com que ele seja impresso, após a concordância do Cardeal Dom Serafim. Use-o em todo o Brasil, ligado sempre ao Catecismo da Igreja Católica”. (…) Desejo então que minha Obra seja composta de catequistas formados sob o meu comando. (…) Esta será a meta de vocês, e o carisma que fará brotar na Igreja vocações sacerdotais e consagradas. Sejam catequistas!”

Os ensinamentos, revelações e exortações contidos nessas mensagens são o esteio do trabalho catequético da Obra Missionária. Compadecida diante das “ovelhas sem pastor”, Maria Santíssima exorta todos os cristãos, e os leigos em particular, a assumirem a responsabilidade pela verdadeira evangelização da cristandade nestes “tempos confusos e difíceis”.

Leia abaixo todas as mensagens dispostas em ordem cronológica. Na coluna ao lado, é possível selecionar mensagens e também trechos de mensagens por categoria. Cumpre dizer que as categorias propostas não esgotam as possibilidades de classificação das mensagens. A densidade e a abrangência das abordagens espirituais tornam o esforço de classificação bastante delicado.  Além disso, Nossa Senhora em geral toca em questões diversas na mesma mensagem, o que tornou necessário distribuir muitas mensagens em mais de uma categoria. Seja como for, nada dispensa o leitor do convite para conhecer toda a bela catequese ministrada pela Virgem Santíssima, que veio esclarecer seus filhos tão distantes da luz do Cristo.

Clique na imagem abaixo e conheça uma coletânea de trechos marcantes das mensagens de Nossa Senhora:

Magnificatio

 

Ressuscitem a honestidade e a justiça

Somente Deus é poder, e é bom que reconheçam isto em suas vidas para bem administrarem os bens terrenos que por sua vontade lhes foram entregues. Obedecendo a este princípio básico, reconhecerão a supremacia de Deus sobre as coisas da Terra. Poderão, então, criar uma sociedade justa, estruturada e bem...

continue lendo

Vivam as minhas mensagens

O verdadeiro caminho às virtudes essenciais à bem-aventurança terá que passar, obrigatoriamente, por uma entrega total à vontade do Altíssimo. Se não for desta forma, embrenharão pelos caminhos da obscuridade e da desesperança, gerando conflitos espirituais e morais em proporções tais que levarão suas almas à confusão e à ruína.

continue lendo

Manifesto meu amor visitando-os frequentemente

Manifesto meu amor visitando-os frequentemente. (…) No meio de vocês, através da transubstanciação do pão e do vinho, em todas as Missas da Terra, o meu Filho, numa eloquente e grandiosa aliança para com a humanidade, é uma realidade permanente. Ele é o Caminho e Eu apenas um dos veículos...

continue lendo

Eu sou a Mãe terrena do Amor

Meus filhos caríssimos, o mundo seria um paraíso se todos quisessem usufruir da força do amor. O pecado original e as limitações impostas, então, pela matéria, os impedem de vislumbrar as grandezas do infinito e entender todo o universo criado pela força do amor de Deus.

continue lendo