Rosário Missionário: O rosário segundo Miryam

Francisco José Lembi

Francisco Lembi

“Este Rosário foi composto por inspiração de Nossa Senhora, e Daniel (Raymundo Lopes) deveria iniciar sua reza com o Grupo Missionário antes do final de janeiro de 2017. Assim ele o fez e assim passa a ser nos dias 25 de cada mês. Se prestarmos atenção veremos que o Pai-Nosso e a Ave-Maria estão aqui expressos de forma diferente, mas mantidos na essência.

Vemos que o Pai-Nosso começa com a palavra Paizinho, manifestando afeto, carinho, intimidade. Assim Yeshua havia ensinado a Miryam, sua mãe terrena, quando aqui esteve na condição humana. E assim a doce e serena Senhora o rezava.

Mas, por que não foi assim rezado por todos, desde então? A resposta pode ser dada por outra pergunta: Estaria esta humanidade decaída, tão pecadora e afastada do Criador apta a assim se dirigir ao Pai? Por que então, agora, a bela Senhora nos dá a conhecê-la?

Estamos às portas dos novos tempos. Dois mil anos de purificação da humanidade, desde a descida do Espírito Santo dando início à 3ª Aliança, que ainda passará pelas grandes tribulações até o retorno glorioso de Yeshua, que virá reclamando o elo perdido no Paraíso, restituindo à humanidade a capacidade plena do intelecto, elevando-a espiritualmente e oportunizando a 4ª Aliança, esta com a Trindade. E o homem novo, com Lúcifer desterrado de seu coração, estará vivendo na intimidade de Deus. Aí então poderá rezar esta linda oração, como Miryam:
Paizinho, …”

 

 

Raymundo Lopes

Raymundo Lopes

“Deus me livre, mas não quis e não quero alterar o Rosário, somente desejo obedecer o que a Doce e Serena Senhora me pediu, e tenho a certeza que ela pensa igual a mim.

Peço às pessoas que reflitam sobre suas palavras e procurem saborear o modo de falar e a delicadeza do linguajar de Miryam.
Não sou suficiente inteligente, mas sinto que, seguindo os passos de Yeshua, que capacitou Miryam para esta tarefa, tudo se explicará.

Este livro não é um compêndio de teologia, entretanto, será um caminho para testemunhar enganos que, como
diz o ditado, acaba virando verdade.

Escrevo visando transformar o mundo. Sei que isso é impossível, mas se eu não tiver coragem de enfrentar a jararaca que deseja morder o calcanhar de Miryam, quem? Quem neste tempo incrédulo fará?

Bom, está aí o resultado de minhas experiências.

Que Deus nos ilumine!!”

Raymundo Lopes

 

Acesse o link abaixo e baixe o livreto:

Livreto Rosário Missionário: O rosário segundo Miryam

 

 

Os comentários estão fechados.