Eu amo o meu Rosário

Eu amo o meu Rosário, e o transformo em uma sólida barreira contra o mal quando vocês dele fazem uso. Ele é a armadilha contra a grande serpente negra. Ele os convida ao convívio com a oração e os prepara a receber Jesus na Mesa Eucarística.

05 de outubro de 1993

Versão áudio

Caríssimos e amados filhos,

Outubro é o mês escolhido para comemorar o meu Rosário, o meio que, com a permissão de Deus, foi colocado para vocês como um penhor de minhas graças através de centenas e centenas de gerações. Em suas contas, meditadas com atenção, transparece toda a história da salvação.

Filhos queridos, não menosprezem graça tão abundante, porque o amor contido nessas pequenas contas transcende o conhecimento terreno. Eu amo o meu Rosário, e o transformo em uma sólida barreira contra o mal quando vocês dele fazem uso. Ele é a armadilha contra a grande serpente negra. Ele os convida ao convívio com a oração e os prepara a receber Jesus na Mesa Eucarística, porque na melodia de suas invocações, quando rezado com amor e gratidão ao nosso Deus misericordioso, seus corações flutuam embevecidos num abraço terno e afetuoso.

Meditem este mês todo o meu Rosário, para que chegue a mim, junto ao sussurro melodioso de suas invocações, um grande brado de louvor a Jesus Eucarístico. Eu os escutarei através dele como mediadora, e isto farei se o que peço for levado a sério.

Cada um que trouxer consigo o meu querido Rosário estará sob a minha custódia. Isto Eu lhes afianço. Eu os amo e os quero ao meu lado.

Obrigada por terem atendido ao meu chamado.

 

Referência: LOPES, Raymundo. Eu amo meu Rosário. In: LEMBI, Francisco (Org.). Uma voz que fala aos meus ouvidos. 2. ed. Belo Horizonte: Magnificat, 2006. p. 58.

Os comentários estão fechados.

Copied!