Banah: Pedra Angular

O que é a Pedra Angular?

“É uma pedra de esquina, que nas construções antigas servia para alinhar toda a construção. Uma pedra angular na construção de um edifício seria a base sólida de que ele necessitaria para chegar às alturas almejadas sem cair.”

“A pedra angular é um recurso literário usado na Bíblia para definir aquilo que falta à construção do ser do homem. A imagem é tomada da arquitetura. Naquele tempo a estrutura do arco de pedras superpostas, sem argamassa, para ficar estável, dependia de uma só pedra, a angular, a que transfere para o chão a força do peso vertical que sozinha ela suporta. Jesus quando se declara a ‘pedra angular’ quer justamente dizer que Ele é Aquele que une a força de cima, a Graça que vem de Deus e a transfere para o chão onde todos estamos. É o Cristo que usa esta imagem figurativa para dizer ser Ele o que recebe do Pai o poder e o transfere para os homens, na medida em que seremos nós os construtores de Seu reino em meio aos Homens.”

“Os construtores de Israel julgavam Jesus uma pedra inadequada para o tipo de construção que eles queriam. Deus o julgou perfeito para edificar a Igreja conforme a planta divina.”

Um presente da Capela Magnificat

Relicário Banah

Raymundo Lopes e a Obra Missionária lançam o projeto Pedra Angular – Banah, no desejo de estender um elo espiritual entre o nosso lar, a Capela Magnificat e casa onde Nossa Senhora viveu seus últimos dias, em Éfeso, na Turquia.

A pedra angular, ou banah, compõe-se de duas peças em estilo relicário. Uma peça será gravada com o nome do missionário e afixada na parede da Capela Magnificat; a outra levará um fragmento da pedra trazida por Raymundo Lopes da casa de Nossa Senhora em Éfeso, e ficará na residência do missionário. Com esse vínculo espiritual, é como se nos colocássemos todos sob o abrigo do mesmo Coração Imaculado.

Na abundância da graça, conntamos ainda com as promessas do Arcanjo:

“…aqueles que aceitarem o presente da Capela, receberão o olhar maternal de Maria e experimentarão em seus lares a brisa fresca da comunhão do Céu”.

“Deus não negará à Mãe uma atenção àqueles cujos nomes estarão gravados no local onde Ela mesma nomeou como âncora para seu espírito”.

FORMULÁRIO DE SOLICITAÇÃO DO BANAH

Preencha o formulário com os dados solicitados, e siga as orientações abaixo:

1. Preencha seu formulário online com seus dados pessoais, conforme indicação. No campo de “MENSAGEM COMPLEMENTAR”, informe qual a forma de pagamento desejado. Caso queira pagar com cartão de crédito, solicite que lhe seja enviado o link para pagamento;

2. Você receberá um email, confirmando a solicitação e as orientações para o pagamento;

3. Em caso de depósito os dados bancários são: conta corrente aos Missionários do Coração Imaculado, no valor de R$ 100,00 (cem reais) endereçado a CAIXA ECONOMICA FEDERAL – Agência: 0091 – Controle: 003 – Conta corrente: 2290-0;

4. Envie o comprovante por email ou pelo Correios ao SIM – Serviço de Informação Mariana, com cópia do comprovante de deposito;

5. Faça contato via email ou telefone com Gerson Neves, para confirmar o envio do seu Banah.

 


Termo de Compromisso que entre si fazem, de um lado os Missionários do Coração Imaculado e do outro o titular do formulário acima preenchido, nas seguintes condições:

Os Missionários do Coração Imaculado se comprometem a manter gravado, numa pequena placa a que deram o nome de ‘tijolinho’, que será fixada no interior do conjunto arquitetônico da Capela Magnificat, na Vila Del Rey, Nova Lima (MG), em local escolhido pela direção da Obra Missionária, o nome do titular constante do referido formulário. Nas Missas ali celebradas, será pedido à Mãe de Jesus que olhe por todos aqueles que têm ali seus nomes gravados. Por tudo isso pagarei, neste ato, a importância de R$ 100,00 (cem reais), pelo período de 1 (um) ano, ficando reservado à direção dos Missionários o direito de substituir o nome ali inscrito, caso não haja sua renovação com o pagamento do valor vigente à época, e assim sucessivamente. Pela minha colaboração estarei recebendo, sem ônus, como presente, uma Banah, ao estilo relicário, contendo um fragmento de uma pedra da parede onde residiu Maria, a Mãe de Jesus, em Éfeso (Turquia), no verso da qual constará o nome que foi gravado na placa colocada no interior da Capela. Declaro ainda estar ciente de que, caso venha a ser renovado o meu pedido, não terei direito a receber um novo relicário com fragmento da pedra da casa onde residiu a Mãe de Jesus, em Éfeso (Turquia). Fica, a critério da Capela Magnificat, proceder qualquer mudança que se fizer necessária, em qualquer Tempo.

Contatos:

Dúvidas e orientações através dos telefones:

(31) 3225-4688 e (31) 3225-4067.

E-mail: contato@obramissionaria.com.br

Responsável Direto: Gerson Neves

Rua Alagoas, 1460 / 905 – Savassi, Cep: 30130-160 Belo Horizonte / MG